Operação Câmbio, Desligo promete superar a Lava Jato

Operação Câmbio, Desligo promete superar a Lava Jato

Spread the love

A operação Câmbio, Desligo é a nova ação do Ministério Público Federal, autorizada pelo juiz federal Marcelo Bretas, da 7ª Vara Criminal do Rio de Janeiro, responsável também pela condução da Lava Jato no estado, visa prender doleiros, figuras frequentes em esquemas de corrupção.

A operação também teve apoio de autoridades do Uruguai, país onde os doleiros atuavam.

A operação, segundo informações do site Nexo, é o resultado da delação premiada de dois doleiros: Cláudio Fernando Barbosa, o Tony e Vinícius Vieira Barreto Claret, o Juca Bala.

CLIQUE AQUI E LEIA O PROCESSO DA Operação Cambio Desligo na íntegra

Segundo a Veja, ambos revelaram a existência de um sistema chamado Bank Drop, composto por 3 mil offshores em 52 países, e que movimentava US$ 1,6 bilhão. Segundo a PF a organização criminosa era liderada por Dário Messer, considerado o maior doleiro do Brasil, e também alvo da operação — com residência no RJ e no Paraguai, ele está na mira da Justiça desde o caso Banestado.

Eles tralhavam em esquema associado ao ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral (MDB), preso no Rio e condenado por corrupção revelada pela Lava Jato.

 

A operação

São cumpridos um total de 43 ordens de prisão preventiva no Brasil e seis de prisão preventiva no exterior, quatro de prisão temporária e 51 mandados de busca e apreensão, segundo informações da Veja.

Os mandados são cumpridos no Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Distrito Federal, Paraguai e Uruguai.

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido
%d blogueiros gostam disto: